Um cometa que produziu alarde por alguns dias por conta do seu risco de impacto com a Terra passará “próximo” ao nosso planeta em março de 2014. O 2003 QQ47, detectado há mais de 10 anos, passará a 19,3 milhões de quilômetros de nós no dia 26 de março, e o risco de qualquer impacto é bastante remoto – de 1 em 909 mil, de acordo com informações divulgadas pelo NEO Information Center, instituto britânico que monitora corpos celestes próximos à Terra.

O Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa, a agência espacial norte-americana, identificou a rocha estelar em agosto de 2003. Na época, foi divulgado que ocorreria um suposto impacto com a Terra em março de 2014. Os cálculos iniciais indicaram que o asteroide viajava a 115 mil km/h e o seu choque com nosso planeta equivaleria à explosão de 20 milhões de bombas atômicas do tipo que os EUA jogaram em Hiroshima, na Segunda Guerra Mundial. Estima-se que o 2003 QQ47 seja um pedaço de rocha remanescente da formação do Sistema Solar, há 4,5 bilhões de anos.

Fonte: SeuHistory

Anúncios